Sutiã infantil: o primeiro sutiã de Juliana Paes

Sutiã infantil é assunto polêmico, vamos conversar?

Nesse último final de semana, na estréia do programa Tamanho Família (10.07), no quadro Valor Sentimental, a Juliana Paes mostrou alguns objetos que marcaram a sua vida e têm um valor inestimável para ela. Adivinha o que estava no meio dessa seleção? O seu primeiro sutiã.

Falando sobre esses objetos, Juliana falou sobre o seu sutiã. “Foi minha mãe que comprou para mim porque eu tinha vergonha de ir à loja comprar. Estava com vergonha de botar o uniforme da escola no primeiro dia de aula e aí eu falei: ‘Mãe, não vou assim de jeito nenhum’. Ela foi na rua correndo comprar”, relembrou. Alguém já passou por algo semelhante?

sutia infantil

sutia infantil

Eu não tenho filhos, só duas sobrinhas fofas, que eu amo demais, mas penso muito nessa questão da pré-adolescência. Acredito que quando o assunto são as meninas, é preciso ter uma atenção especial em relação às questões do corpo. O crescimento dos seios nessa fase é natural, é lógico, e se a mãe ou responsáveis não ficarem de olho, a menina pode sofrer bullying na escola e passar por constrangimentos que talvez nunca vá externar.

Não somente em relação ao primeiro sutiã, mas a higiene pessoal, como o uso do desodorante e, em alguns casos, até mesmo a depilação (meninas que têm muitos pelos) são assuntos que merecem uma atenção especial.

Quem não se lembra de uma das campanhas mais famosas da TV brasileira, a da Valisere: “O primeiro sutiã a gente nunca esquece”? O comercial com a Patrícia Lucchesi marcou uma geração inteira, que deu atenção a uma fase da vida que nem todos dão muita importância.

A adolescente se sente constrangida por ainda não usar sutiã e sente muito mais segura após ganhar de presente o seu primeiro modelo.

Os sutiãs infantis são semelhantes aos de adultos,  podem ter bojo ou não. Particularmente, não acho legal uma menina que ainda não tem seios usar um sutiã com bojo, pois acaba sendo uma forma de despertar uma lado da menina de forma precoce. Se ela não tem seios, para que “criar” essa característica, não é?

Os modelos sem bojo são os mais indicados para meninas que ainda não têm seios mais desenvolvidos. Os modelos com bojo são adequados para a fase em que o seio já começa a crescer.

Uma marca que eu acho fofa é a Capricho. Selecionei alguns modelinhos, que são vendidos na Marcyn:

sutia infantil

 



Lingerie Infantil gera polêmica

Sutiã com bojo para criança – o que você acha?
A Organização dos Estados Americanos (OEA), um órgão que trata de assuntos referentes aos Direitos Humanos, está analisando uma situação bem polêmica que ocorreu no Brasil. Vocês sabem que quando vejo algo polêmico e que envolva o universo das lingeries, logo penso em compartilhar aqui!
O assunto que gerou tanta discussão dessa vez é a produção de sutiãs com bojo para crianças e pré-adolescentes.
De acordo com associações de proteção aos direitos humanos no Brasil, este tipo de lingerie acaba gerando a erotização precoce das crianças e também prejudicando a saúde, por produzir suor excessivo.
Gente, este assunto realmente é sério, não é mesmo?
O proprietário de uma empresa especializada nesta fatia do mercado afirmou o seguinte: “Então, é o caso de proibir também o funk. Tem coisa mais erotizante para a criança do que o funk, em que meninas pequenas rebolam até o chão e dançam na boquinha da garrafa?”
(O que não deixa de fazer muito sentido também!).
Mas acho que as coisas não são bem assim. Não dá para tratarmos tudo à ferro e fogo e precisamos pensar nos dois lados… Vejam se concordam comigo.
Realmente a erotização precoce de uma criança é preocupante. No Brasil a cada ano meninas começam suas vidas sexuais mais cedo. Isso acaba gerando problemas sociais que são difíceis até de serem mensurados.
Mas e aquela menina que, pelo seu biotipo, acaba desenvolvendo seios um pouco mais cedo que as demais? Já ouvi casos de bullying feito com estas crianças e a sensação de exclusão da turma de coleguinhas, ou brincadeiras de mal gosto, devem ser muito incômodas…
A infância é uma etapa tão gostosa… Vejo-a como algo inocente, uma fase importante da vida onde são formadas as opiniões e os traços de personalidade.
Então, acho que se justifica sim a produção de sutiãs com bojo para pré-adolescentes (que já têm seios para usá-los), e cabe aos pais destas meninas prezar pelo bom senso em sua utilização – e preocupar-se em preservá-las ao máximo para que a infância seja muito mais diversão e momentos de aprendizado do que preocupação com erotismo precoce, uma – infeliz – visão adulta sobre algo tão simples.
Ah! E não custa lembrar! Se você se deparar com qualquer situação que interprete se tratar de abuso ou exploração infantil de qualquer gênero, ligue para o número 100 e denuncie.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...