Sutiã anti-rugas

A gente cuida bem da pele do rosto, não toma sol de jeito nenhum nessa região, se enche de protetor solar até quando está chovendo, vive de chapéu na praia, não é?

Mas não fazemos muito pela pele do colo… Com o passar do tempo essa região vai se enrugando e ficando bem visível, o que pode incomodar muitas mulheres.

Pensando nisso, um sutiã específico para evitar essas rugas foi criado: o Cololiso


Ele é meio bizarro, mas me chamou muito a atenção.

Ele mantém a pele do colo esticada, evitando a formação de rugas e marcas na pele.

Alguns depoimentos de profissionais da área da saúde são bem interessantes:

“Sob dois aspectos o ‘COLOLISO’ adquire uma grande importância. Não só na prevenção das rugas no colo, mas também no pós cirúrgico de mamoplastia de aumento ou redução dando maior conforto, imobilizando e gerando proteção do local ao dormir”.
Dr. Ariosto Santos
“Durante o sono, a mulher adota várias posturas diferentes, incluindo decúbito lateral (virar de lado) e decúbito ventral (de bruços). Este sutiã mantém o posicionamento habitual das mamas e evita queda do corpo mamário quando a mulher vira de lado, o que provavelmente prevenirá as marcas na pele do colo (região pré-esternal). Penso que ele deve ser testado também por pacientes que têm hábito de dormir de bruços e que possuam maior volume mamário ou pacientes com prótese mamária de silicone. Este sutiã deve evitar a compressão das mamas contra o tórax, já que funciona como um anteparo”.
Dra. Cláudia Mameri
“A região do colo está em evidência atualmente nos consultórios dermatológicos. Essa região é bastante sensível, pois envelhece com facilidade devido aos agressores mais comuns como o sol. Além disso as rugas são bastante frequentes em pacientes de pele clara, que reclamam constantemente deste fato, já que as desagrada profundamente no sentido estético. Além da característica: ‘cor da pele’ as mesmas rugas são agravadas pela posição de dormir, principalmente em pacientes que apresentam uma mama de maior volume. Acredito que este processo de separação das mamas através do sutiã ColoLiso, será de grande ajuda para o tratamento do colo, pois impedirá que as rugas de postura se formem ao dormir, sem contar que os tratamentos utilizados para preveni-las se tornarão ainda mais eficazes!”
Dra. Maria Irene Schwab Baldi



O sutiã custa R$ 149,00 e pode ser comprado neste site. Me pareceu um excelente investimento!

Alguém já experimentou?

Fonte: www.cololiso.com.br



Posso dormir de sutiã?


Essa é uma polêmica antiga, rodeada de mitos e dúvidas.

Das duas uma: ou você escuta desde pequena que deve dormir de sutiã para os seios não caírem ou sempre ouviu dizer que isso é mito, não é?

Volta e meia surgem pesquisas mostrando os mitos e as verdades sobre dormir usando sutiã.

Há algum tempo atrás o portal terra divulgou uma reportagem interessante sobre isso, com a opinião de alguns médicos, inclusive.

A conclusão das falas deles é que é necessário haver bom senso.

“Se a mulher se sente confortável, não há problema nenhum em dormir com o sutiã. Do ponto de vista médico ou estético, não há contraindicações. Este hábito da educação e história da paciente, se ela é acostumada a usar, não tem problema”, explica o Dr. Fábio Francisco Oliveira Rodrigues, mastologista do Hospital São Camilo.

A forma como a mulher cuida dos seios na época da amamentação também é fundamental para a definição do seu futuro. “Se não fizer uma boa hidratação ou não cuidar do peso, engordando demais durante a gravidez, quando as mamas aumentam, o tecido pode ficar mais flácido. Não há sutiã que segure essa situação”.


O cirurgião plástico, Dr. Fabio Rosa de Almeida, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, reforçou: “Realmente, trata-se de um mito o fato de dormir com sutiã para que os seios não caiam. Avaliando do ponto de vista fisiológico, a queda das mamas se dá pelo envelhecimento natural da pele e tecidos subjacentes, e também pela gravidade. O sutiã é benéfico, sim, no uso diário, para minimizarmos o peso e o efeito gravitacional sobre as mamas.”

Quanto à escolha do sutiã ideal para dormir, de acordo com ele, é muito pessoal. Aqueles com barbatana no bojo devem ser evitados, especialmente por mulheres com implantes mamários ou mastectomizadas, pois são bastante desconfortáveis quando em contato com as cicatrizes.

O Dr. Fábio também desmistifica o uso de sutiã com aros ao dormir. Segundo ele, isso não passa de um mito, não havendo a possibilidade de causar nódulos e câncer.


Portanto, aquelas que não suportam dormir de sutiã têm muitos motivos para comemorar!

E então: usar ou não usar?

Fonte: beleza.terra.com.br



Lingerie que evita vazamentos

Parece estranho, à primeira vista, mas uma engenheira química americana, Julie Sygiel, fundadora da Dear Kate, desenvolveu uma lingerie especialmente para evitar acidentes desagradáveis que podem ocorrer com mulheres grávidas, menstruadas ou em idade mais avançada.
A calcinha tem três camadas: duas de um tecido absorvente e uma terceira, feita  de material mais resistente, que ajuda a conter até três colheres de líquido.

A marca desenvolveu várias linhas, o que é mais interessante, inclusive para gestantes.

Os preços variam de US$ 28 a US$ 38.

Muito interessante observar que as marcas de lingerie estão cada vez mais preocupadas com as diferentes necessidades das mulheres e procurando adaptar e criar coleções que se adequem às demandas.
Precisamos disso no Brasil!


Darling lança sutiã para mulheres mastectomizadas

Há alguns dias eu havia falado aqui no blog sobre o projeto De Peito Aberto, que pedia atenção das marcas de lingerie para a fabricação de modelos especiais para mulheres que haviam perdido uma ou ambas as mamas, após uma cirurgia de mastectomia, em razão do câncer de mama.
A Darling, atendendo ao clamor de milhares de pessoas na internet, abraçou o projeto e lançou dois modelos especialmente criados para essas guerreiras. “Estive um dia em um consultório médico acompanhando mulheres que passaram por esse processo e saí de lá renovada”, revelou Margaret Lewinsk, diretora de produto da Darling.
Um deles, o Mastec Lace, foi feito para mulheres que já possuem uma prótese externa tradicional. O decote apresenta uma aplicação de renda, que proporciona uma cobertura diferenciada para o entresseio.

O outro, Mastec Botanic, foi desenvolvido para garantir a simetria das mamas, com espaço para o echimento. A prótese, feita de material inorgânico e revestida de algodão, será vendida separadamente.

Os dois modelos devem chegar às lojas no início de agosto.

Ponto para a Darling!
Fonte: All Lingerie



Sutiãs que causam marcas

Eu escrevi aqui no blog recentemente sobre as marcas que uma lingerie podem causar no nosso corpo, tudo em nome da beleza ou da má qualidade das peças.

Hoje eu quero mostrar como senti na pele as consequências dessa escolha. 

Comprei dois sutiãs, há pouco tempo, e só consegui usá-los uma vez. São lindos, da cor do inverno, rendados, enfim…


Na última sexta-feira, porém, mal podia esperar para chegar em casa e tirar logo aquela tortura.

Fiz questão de fotografar as marcas (na pele) e mostrar aqui no TDL um detalhe que tem que deve ser observado na hora de comprar sutiã com bojo: algumas marcas colocam um tecido mais firme na costura que fica na parte de baixo do sutiã (aquela que envolve o aro de metal), para sustentar e dar um acabamento melhor na peça. Só que alguns desses tecidos são mais rígidos, o que faz com que o sutiã machuque a mulher, deixando até marcas.

Só que a gente nunca observa isso. Ao experimentar um sutiã assim, é quase imperceptível. Mas ao passar algumas horas com ele…

O ideal é que esse tecido seja mais suave, macio. Então a dica é: ao encontrar um sutiã que lhe agrade, passe o dedo por baixo do bojo (onde fica o aro arredondado). Se sentir aspereza e rigidez, não compre! 


Não dá pra se sentir incomodada o dia todo com um sutiã bonito mas torturante, não é?

E você? Tem alguma coisa que te incomoda nas lingeries?



Marcas de Lingerie: Façam um sutiã para mulheres que fizeram mastectomia se sentirem lindas!


Eu já havia falado aqui no blog sobre a Clothing With a Kiss, uma marca americana especializada em fabricação de lingeries para essas mulheres muito especiais.

Agora, o Projeto De Peito Aberto, que retrata a luta das mulheres que enfrentaram ou enfrentam o câncer de mama, resolveu se unir à causa dessas mulheres, que tiveram suas mamas retiradas, para elaborar um abaixo-assinado direcionado às marcas de lingerie brasileiras.

Receber um diagnóstico de câncer, seja ele qual for, deve ser muito difícil. Mas como o próprio anúncio do abaixo-assinado menciona, ao ser diagnosticada com câncer de mama, a mulher se vê diante do “risco da perda de tudo aquilo que é símbolo feminino, os seios, os cabelos, a possibilidade de ser mãe, a libido. Neste momento, a mulher precisa fortalecer a autoestima“. 

O objetivo da campanha é convencer as marcas de lingerie brasileiras a criarem modelos especiais para mulheres que fizeram cirurgia para retirada do seio.

A campanha será direcionada às maiores marcas brasileiras: Hope, Darling, Duloren, Triffil, Scala, Del Rio, DeMillus, Liz, Triumph, Marcyn e Valisere.

“Nem sempre é possível uma reconstrução imediata da mama e os sutiãs especializados que existem no mercado são feios, caros ou difíceis de achar. Mas o que as mulheres precisam é uma lingerie que as valorize, um sutiã que resgate a sensação de ser bonita. Elas merecem isso”.

Para participar, é só clicar no site da campanha e preencher o pequeno formulário.

Vamos nos juntar e proporcionar esse bem-estar às mulheres mais guerreiras e corajosas que estão à nossa volta!

Fonte: www.change.org
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...