A lingerie ideal para trabalhar: Acerte na escolha

Já pensou qual a lingerie ideal para trabalhar todos os dias?

Parece bobagem, a princípio, mas escolher a lingerie ideal para trabalhar dia após dia pode determinar um dia de conforto ou de irritação.

Aproveitando que hoje é segunda-feira, aquele dia que a maioria das pessoas ama (eu realmente gosto, então fica até difícil pensar em algo diferente disso!), pensei em falar um pouquinho sobre a calcinha e o sutiã que a gente usa no dia a dia e que pode acabar ou com o nosso look ou com a o nosso humor.

Então pensei em algumas dicas para dar a você que não tem muito tempo a perder e que precisa estar bem vestida e confortável durante todo o dia.

1. Escolha no dia anterior

lingerie ideal

Não sei você, mas como levanto cedo todos os dias, completamente sonolenta e sem condições de raciocinar (acordo mesmo lá pelas 8 da manhã), então eu preciso escolher a roupa que vou usar no dia anterior. E isso inclui a lingerie. Normalmente seleciono a roupa e, em seguida, vou para a gaveta de lingerie.

É preciso escolher direitinho o sutiã que combina com a blusa, a camisa ou o vestido. Isso porque não dá para, na hora de se vestir, perceber que o único sutiã que realmente vai bem com determinada roupa está para lavar (quem nunca?).

Então é bom organizar na noite anterior, até mesmo a calcinha. Assim você ganha mais uns minutinhos dormindo e não perde tempo em frente ao guarda-roupa.

2. Combine as cores

lingerie colorida

Roupas claras pedem um sutiã mais neutro, cor da pele. Esqueça esse lance de mostrar o sutiã no ambiente de trabalho. A não ser que você trabalhe com lingeries ou com moda ou na TV, enfim… Se você não trabalha com nada relacionado à moda, o ideal é manter um pouco a formalidade e deixar a lingerie outwear para o fim de semana.

Tenho uma gaveta inteira só de sutiãs cor da pele, em tons de rosa e bege. Tem que ter pelo menos um para cada dia. Assim não ter erro. Camisas claras agradecem esse cuidado.

3. Escolha lingeries confortáveis

Nada pior que passar o dia “arrumando” um sutiã caindo ou a alça desregulada. Ou então se sentindo massacrada por uma calcinha apertada, que incomoda.

Fazer uma limpa na gaveta de lingerie de vez em quando ajuda a eliminar essas peças problema. Umas comprinhas de vez em quando também ajudam. A qualidade de vida melhora, acredite. Encontrar sempre sutiãs bons, de qualidade, confortáveis e na cor certa é quase um oásis. Vale a pena investir nesses modelos, você não perde tempo, passa um dia bem, confortável e economiza tempo para focar no que realmente interessa.

4. Use as calcinhas certas

calcinha confortável

Afinal, o que é uma calcinha certa? O certo para você pode não ser o certo para mim e vice-versa. Então vou dizer o que o certo para mim, pois acho que muitas pessoas podem se identificar.

Calcinhas básicas, em tecidos leves como o modal ou uma microfibra levinha podem ser as melhores escolhas. Muita renda pode ser um incômodo para o dia a dia. Calcinhas cortadas a laser podem ser uma ótima opção também. Tudo o que for confortável e permite que a pele “respire” um pouco mais é o mais adequado.



Que sutiã usar com roupa branca

Precisa usar uma roupa branca e tem dúvida de qual sutiã escolher?

Você tem um compromisso importante no dia seguinte cedo. Pensa em qual roupa usar, sapatos, acessórios. Prepara tudo e acorda cedo para se arrumar. Quando percebe, vê que se esqueceu de separar o sutiã certo para se usar com a blusa ou o vestido branco. Quem nunca?

Mostrar o sutiã é uma tendência forte que veio e ficou. Acho difícil ir embora. Sejam as alças, as tiras ou a renda do sutiã, um detalhe à mostra de forma discreta e sofisticada deixa o look harmônico e interessante. Mas não é sempre que fazemos isso. No dia a dia normalmente, especialmente no ambiente de trabalho,  optamos por looks mais comportados, executivos, discretos.

As camisas brancas são as queridinhas. E grandes aliadas. E o sutiã certo para se usar com elas é uma peça fundamental para que a produção seja perfeita, para que você não chame a atenção para a sua lingerie, e sim para o que importa na rotina do seu trabalho A não ser que você trabalhe com moda, TV, enfim, as profissões que normalmente permitem ousar um pouquinho nos looks).

roupas brancas

O que as mulheres normalmente preferem para se usar com roupas brancas é a lingerie bege ou nude. Elas são as mais requisitadas nessas horas. São quase invisíveis. As mulheres de pele mais escura optam pelos tons marrons.

É uma solução antiga, abominada por muitos homens, mas da qual não conseguimos escapar muitas vezes.

Pensando nisso, a indústria da lingerie começou a perceber que existe uma alternativa para a “sem graceza” da lingerie bege.

A nova cor tem nomes diferentes. Nuance, uva, beringela, lilás. São tonalidades de uma espécie de lilás que somem por completo por baixo do branco. Tornam-se realmente invisíveis.

sutiã

  1. Duloren
  2. Un.i
  3. Liz
  4. Duloren
  5. Un.i
  6. Valisere

Eu uso no dia a dia, praticamente todos os dias. É uma forma de fugir do bege e continuar feminina, delicada. Já observei que é uma cor perfeita para quem tem a pele mais clarinha e um pouco mais morena. A pele negra realmente exige uma variação dos tons de marrom.

Se você busca solução para suas roupas brancas, o sutiã na tonalidade lilás pode ser a dica que faltava para seus looks ficarem ainda melhores.



Lacelab: Marca de lingerie perfeita para todas as ocasiões

A Lacelab vem chegando devagarinho e ganhando espaço. Conheça mais!

Lacelab é o nome da marca de lingerie que conheci há um tempinho. Não me lembro exatamente como ela apareceu pra mim, mas tive a oportunidade de conhecer alguns produtos da marca.

Penso que a moda vive se reinventando e vejo que a lingerie acompanha essa tendência. As marcas mais tradicionais de lingerie tiveram que se reinventar para acompanhar tantas mudanças. As que não fizeram isso ficaram de fora mesmo. E nesse contexto a gente vê surgindo algumas marcas que se destacam, que ganham mais espaço nas melhores boutiques e lojas de lingerie.

A Lacelab é uma delas. O que mais chama a minha atenção na marca? O design. É perfeito. Lindo. Original. A marca busca as tendências e parece sempre à frente. Eu me lembro quando começou a surgir a tendência do strappy bra, bem tímida. Poucas marcas estavam apostando. E a Lacelab lançou uma super coleção, cheia de modelos de strappys lindos. Arrasou.

Depois foi o top halter, aquele modelinho que lotou as praias nesse verão, de sutiã mais alto, até o pescoço. Encontrei modelos super originais deles na Lacelab, antes que virasse febre.

Acertar o timing de lançamento de modelos que vão bombar é uma qualidade da marca. Modelos originais e um design fashion é outra.

É aquela marca que desperta a vontade de comprar lingerie simplesmente porque é linda, delicada, original. Não por “precisarmos” de uma lingerie nova, mas por nos apaixonarmos por ela e dizer “eu tenho que ter”.

Selecionei alguns modelos das últimas coleções que mais me seduziram. Alguns eu uso bastante. Vestem super bem, a modelagem é bem trabalhada. Até os modelos sem bojo (que são vários), que eu não usava há tempos, me conquistaram, acredita?

lacelab

marca de lingerie

cA Lacelab trabalha bem com as cores, trazendo a alegria e a força delas para as peças. O preto é um clássico da marca. Sempre presente e em modelos perfeitos.

 

strappy bra

Esse modelo de tiras é o meu preferido. Uso toda semana. Uma delícia de confortável!

Super indico a marca. Fica a dica!



Sutiã sem bojo: Vantagens e desvantagens

Sutiã sem bojo: Veja as vantagens e desvantagens desse modelo de lingerie.

sutia sem bojo

Reprodução: Pinterest

Sutiã sem bojo é a bola da vez. É engraçado como que alguns itens de moda sobem e descem. na verdade toda a moda é assim. Uma hora algumas coisas estão em alta, outras vezes elas estão super em baixa, nem pense em usá-las.

O sutiã sem bojo é uma lingerie que está realmente em alta. Muita gente comentando, postando sobre ele, se apaixonando por ele.

E aí? Você curte?

Tenho alguns modelos de sutiã sem bojo. E vejo pontos positivos e negativos nele. Poucas mulheres conseguem não amá-lo ou odiá-lo. Esse tipo de sutiã é bem assim, ou amamos ou odiamos, não costumamos ter meio termo.

Então vamos lá. O que tem de bom no sutiã sem bojo?

sutia sem bojo

Reprodução: Pinterest

1. É fresquinho

Ninguém pode negar que o bojo do sutiã, ainda que forrado de tecido em algodão, consegue deixar a peça mais quente. A gente acaba suando um pouquinho mais com o sutiã com bojo, especialmente no verão.

O sutiã sem bojo costuma ser mais fresco exatamente por não ter essa cobertura de espuma, que é o bojo. Passar um dia inteiro com calor é insuportável. Essa vantagem de ser mais fresco soma pontos para o modelo.

2. É mais confortável

Por ser mais fresquinho, ele acaba sendo mais confortável também. E não somente pelo frescor, mas o sutiã sem bojo possui mais elasticidade e isso confere mais flexibilidade aos movimentos. Você consegue se movimentar de forma mais livre.

Eu costumo usar mais sutiã sem bojo em casa, no final de semana, por ser um momento de descanso. E pra dormir também! Como não abro mão de dormir de sutiã, o modelo é perfeito.

3. Fácil de lavar e secar

É fácil de lavar porque até mesmo lavando na máquina o processo de lavagem é mais simples, de uma peça comum de roupa. Claro que o ideal é lavra à mão devido à delicadeza do tecido, especialmente se for de renda. Mas é mais simples, por não ter bojo. Os sutiãs de bojo são mais difíceis de serem lavados à mão e duram bem menos se lavados na máquina.

É fácil de secar exatamente porque o bojo demora mais para secar. Já fez o teste?

4. Fácil de transportar

Já viu como o sutiã com bojo ocupa espaço na mala? Precisamos reservar um espaço considerável para ele (se você guardar sutiã na mala de forma correta).

O sutiã sem bojo é como uma calcinha. Cabe em qualquer cantinho.

Possíveis desvantagens:

1. Não modela os seios

Aqui está um fator que incomoda demais as mulheres que não se adaptam ao sutiã sem bojo. Ele não possui a mesma firmeza de um sutiã com bojo. E isso faz com que o sutiã sem bojo não consiga modelar os seios, apenas cobri-los. O bojo consegue fazer alguns milagres. Ele levanta os seios mais caídos, aproxima os mais separados, dá volume aos menores e disfarça o tamanho dos maiores.

O sutiã sem bojo, especialmente os modelos sem aro, não conseguem fazer isso. As mulheres que tem os seios um pouco mais flácidos (se você tem mais de 35 anos provavelmente não tem os seios dos 20 e poucos…) entendem bem o que eu estou dizendo.

Claro que se a mulher tem silicone nos seios a história é outra. Os sutiãs sem bojo ficam lindos de viver nelas! Mas não é a regra, então, o bojo pode ajudar bastante.

2. Pode deixar os mamilos à vista

Esse outro fator já foi motivo de muitas polêmicas aqui no TDL. Há leitoras que vão à loucura quando eu abordo esse assunto. Deixar os mamilos à vista ou “os faróis acesos” pode ser algo que muitas mulheres gostam, acham sensual ou simplesmente acreditam que nascemos assim e que não temos que esconder uma parte do nosso corpo.

Ok se você pensa assim. Não estou dizendo que é feio ou bonito.

A questão é que muitas mulheres se incomodam com isso, não gostam que o mamilo apareça por baixo de suas produções. O sutiã com bojo favorece bastante quem não quer esse efeito. O bojo esconde totalmente qualquer sinal de mamilo à mostra.

Nem todos os sutiãs com bojo causam essa situação, mas a chance disso acontecer é maior quando o assunto é a ausência do bojo.

Acho que aparentemente as vantagens são mais numerosas que as desvantagens. Mas acho que vai do gosto e do momento de cada mulher.

Que o verão pede uma lingerie mais confortável, isso ninguém pode negar. Se você vai aderir à tendência, é outra história!

 



Looks de Marina Ruy Barbosa (e as lingeries que combinam)

Os looks de Marina Ruy Barbosa são totalmente desejáveis. Veja as lingeries que combinam com eles!

A Marina Ruy  Barbosa é uma fofa, um ícone da moda que todo mundo ama ver, quer copiar, alguém com quem a mulherada deseja se parecer. Acho que porque ela é linda, delicada e, ao mesmo tempo, tem aquele ar de mulherão.

Não tem look da moça que não vire notícia, não caia na mídia. Deve ser até chato sair na rua, né? rs

Bom, faz parte de ser uma celebridade, então…

Selecionei alguns looks dela que me chamaram a atenção e fiquei imaginando que lingerie combinaria com eles. Acho que você pode se inspirar nas suas próprias produções:

1. Sutiã tomara que caia

marina ruy barbosa

Valisere

Um look mais romântico é a cara da atriz. Essa blusa (maravilhosa) com transparência e renda dispensa sutiã à mostra. São muitos detalhes lindos que vão “brigar” com as alças do sutiã. O ideal é que elas não apareçam. Um tomara que caia nude é perfeito nesse caso.

2. Cropped

looks marina ruy barbosa

Belles

O sutiã cropped é um curinga. Ele fica bem com tudo, é uma peça ideal para se usar com transparência, pois ele tem uma cobertura maior. Ficou simplesmente maravilhoso com essa saia longa e blusa transparente.

3. Brilho

marina ruy barbosa lingerie

Belles

Só depois que eu selecionei as imagens é que observei que a Marina usou a mesma blusa com dois tipos de lingerie diferentes. Esse modelo que ela está usando é um sutiã mais básico preto. Mas acho que combina também com um modelo mais brilhoso como esse sutiã strappy. Lindo!

4. Combinação de cores

marina ruy barbosa lingerie

Thaís Ferreira

Essa foto da Marina Ruy Barbosa já apareceu em muitas mídias, chamou a atenção pela combinação de cores. O azul marinho do colar contrastou com o fúcsia e o resultado foi perfeito. Nunca imaginei que combinassem tanto. O sutiã em um tom um pouco mais escuro ficou lindo por baixo da transparência.

5. Strappy Bra

marina ruy barbosa sutia

Lacelab

Não tem quem não se renda a essa tendência, o strappy bra. Celebridades, apresentadoras de programas, meras mortais como eu e você. Todas amamos. O look da Marina ficou perfeito com essa calça imitando couro.

6. Body

marina ruy barbosa

Gabriely

Parece muito um body o que ela está usando por baixo. Aliás, os detalhes de renda dos bodys e croppeds são ideais para aparecerem sob um vestido decotado ou até mesmo um terninho.

7. Tons de vinho

marina ruy barbosa sutia

Estilo Único

Um sutiã com cobertura extra pode ser interessante quando o assunto é transparência. Embora a Marina tenha tenha um corpo perfeito, sem precisar disfarçar nada, ela escolheu muito bem um sutiã maior para usar com a renda.

Inspire-se na Marina Ruy Barbosa e selecione com carinhos as suas lingeries. Elas podem salvar (ou matar) o seu look.



5 dicas para comprar lingerie de presente e acertar!

Comprar lingerie pode ser um grande desafio para homens e até mesmo mulheres!

Já quis dar uma lingerie de presente, mas se sentiu constrangido(a) ou completamente perdido(a) na hora de comprar?

Isso é mais comum do que se imagina. As pessoas têm dificuldade de lidar com isso ou porque acham difícil escolher um modelo adequado e acertar tanto no estilo quanto no tamanho, ou por sentirem vergonha de entrar em uma loja de lingerie e comprar. Sim, isso é muito normal.

Você pode não acreditar, mas recebo emails e mensagens de mulheres que se sentem constrangidas em comprar lingerie. Acho muito estranho, mas respeito. O que posso fazer é dizer para elas que comprar calcinha e sutiã é tão “Normal” quanto calça jeans e camiseta. Não existe diferença alguma…

Mas, enfim, os desafios são ligados a vários aspectos da personalidade, das experiências que cada um carrega, da visão de mundo.

O que importa é que as pessoas se sintam livres e à vontade quando o assunto é comprar lingerie.

Tenho 5 dicas que podem ajudar homens e mulheres a acertar na escolha:

1. Descubra o tamanho dela

como comprar lingerie

Essa é a primeira coisa que você precisa saber na hora de comprar. Talvez você não saiba exatamente a numeração, mas precisa ter uma ideia. P-M-G-GG são os tamanhos mais comuns. Tente observar o tamanho dela, se possui seios maiores, menores, um quadril mais largo, mais fino.

Lingeries sem bojo são mais fáceis de servirem, pois não têm que se adequar ao bojo com a mesma perfeição que os modelos com bojo.

Calcinhas com regulagem nas laterais também são indicados, pois são ajustáveis ao tamanho da pessoa.

Tente ser o mais assertivo possível, pois é um pouco ruim receber de presente um tamanho de lingerie (ou de qualquer outro item de moda) muito menor do que o seu tamanho. Dá uma tristezinha…

2. Descubra o estilo dela

mulher estilo

Perceber o estilo da pessoa é uma ideia legal para chegar bem perto de agradar. Observe se ela é mais tradicional ou se é descolada, se gosta de cores fortes ou mais tons cor da pele, se é mais romântica ou ousada.

A forma como a mulher se veste no exterior diz muito sobre ela e se reflete diretamente no que usa como lingerie também.

Observe que a idade também pode influenciar. Mulheres mais maduras têm um estilo diferenciado de jovenzinhas.

3. Dê algo do seu gosto

O estilo dela precisa ser observado, mas o seu gosto também é importante, especialmente no caso de homens comprando lingerie para a namorada, esposa. Não é legal comprar uma lingerie que você sabe que ela vai gostar, pois é o estilo dela, mas que não lhe agrada. O importante é tentar encontrar um ponto de equilíbrio.

4. Escolha bem a loja

loja online

Selecione bem a loja onde vai comprar. Lojas que não permitem a troca podem ser um problema. É importante que a pessoa tenha a possibilidade de trocar caso não sirva ou não goste.

Uma alternativa legal são as lojas de lingerie online. Você compra à distância, em casa, de forma confortável, pode tirar todas as suas dúvidas nos chat, por email ou telefone. Pode enviar direto para ela. E, caso não sirva, a troca normalmente é garantida e, muitas vezes, gratuita. Quer melhor que isso?

5. Seja discreto

Homens dando lingerie no primeiro encontro pode ser algo bem assustador para muitas mulheres. Seja discreto, um verdadeiro gentleman, use de sua sensibilidade, evite produtos muito vulgares, especialmente se você ainda não conseguiu desenvolver um nível de intimidade mais profundo.

Mulheres amam homens sinceros, mas sensíveis e interessados na felicidade delas!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...