Como comprar sutiã corretamente

Comprar sutiã: Aprenda a escolher o melhor modelo pra você.

comprar sutiã

Comprar sutiã, calcinha, roupa íntima pode ser um desafio para algumas mulheres. Digo isso porque muitas mulheres não conhecem muito bem o próprio corpo, então acabam sempre comprando o tamanho errado.

Hoje de manhã eu vesti um sutiã pela primeira vez e fui trabalhar. Fiquei pensando nele, me lembrando dele a manhã inteira. A lingerie ideal do dia a dia é aquela que você veste  esquece. Ela não pode incomodar, não pode te irritar. Se isso acontece, algum problema tem. Ou você comprou o tamanho errado, ou a modelagem não é muito favorável, ou o material incomoda.

1. Tamanho

Tamanho errado é bem comum, especialmente quando estamos acima do peso que gostaríamos ter e não aceitamos isso. Então insistimos em usar sutiãs e calcinhas apertados, que em nada ajudam, ao contrário, podem acabar com a sua produção.

Se o seu peso alterar, para mais ou para menos, invista em algumas peças de lingerie novas, vale a pena. Sutiã apertado ou folgado não combina com nada.

2. Modelagem

A modelagem pode não ser muito interessante. Mesmo as marcas mais caras podem ter modelos que não vestem muito bem. O ideal é experimentar, ficar um tempinho com ele, se movimentar e ver se realmente serviu direitinho, se não incomoda.

Quando eu encontro uma marca e um modelo que gosto, costumo ser muito fiel a eles. Sempre busco comprar novamente. Isso é bem possível em relação aos modelos mais básicos, já que as marcas mantêm as linhas básicas em todas as coleções, com alguns ajustes.

3. Material

O material da lingerie deve ser bem observado. Calcinhas e sutiãs de renda podem ser lindos, mas podem incomodar muito. A renda precisa ser macia, com um toque sedoso, senão incomoda muito.

Os elásticos também têm que ser de qualidade, porque podem causar desconforto. Parece bobagem, mas até reguladores de metais podem influenciar no seu bem estar. Conheço mulheres alérgicas a ele. É só vestir o sutiã e se coçar o resto do dia. Alguém merece isso?

Escolher o sutiã e a calcinha perfeitos para um dia de conforto é fundamental para você focar no que realmente importa no seu dia a dia.

Que tal eliminar tudo o que não te faz sentir bem da gaveta de lingerie?



A lingerie ideal para trabalhar: Acerte na escolha

Já pensou qual a lingerie ideal para trabalhar todos os dias?

Parece bobagem, a princípio, mas escolher a lingerie ideal para trabalhar dia após dia pode determinar um dia de conforto ou de irritação.

Aproveitando que hoje é segunda-feira, aquele dia que a maioria das pessoas ama (eu realmente gosto, então fica até difícil pensar em algo diferente disso!), pensei em falar um pouquinho sobre a calcinha e o sutiã que a gente usa no dia a dia e que pode acabar ou com o nosso look ou com a o nosso humor.

Então pensei em algumas dicas para dar a você que não tem muito tempo a perder e que precisa estar bem vestida e confortável durante todo o dia.

1. Escolha no dia anterior

lingerie ideal

Não sei você, mas como levanto cedo todos os dias, completamente sonolenta e sem condições de raciocinar (acordo mesmo lá pelas 8 da manhã), então eu preciso escolher a roupa que vou usar no dia anterior. E isso inclui a lingerie. Normalmente seleciono a roupa e, em seguida, vou para a gaveta de lingerie.

É preciso escolher direitinho o sutiã que combina com a blusa, a camisa ou o vestido. Isso porque não dá para, na hora de se vestir, perceber que o único sutiã que realmente vai bem com determinada roupa está para lavar (quem nunca?).

Então é bom organizar na noite anterior, até mesmo a calcinha. Assim você ganha mais uns minutinhos dormindo e não perde tempo em frente ao guarda-roupa.

2. Combine as cores

lingerie colorida

Roupas claras pedem um sutiã mais neutro, cor da pele. Esqueça esse lance de mostrar o sutiã no ambiente de trabalho. A não ser que você trabalhe com lingeries ou com moda ou na TV, enfim… Se você não trabalha com nada relacionado à moda, o ideal é manter um pouco a formalidade e deixar a lingerie outwear para o fim de semana.

Tenho uma gaveta inteira só de sutiãs cor da pele, em tons de rosa e bege. Tem que ter pelo menos um para cada dia. Assim não ter erro. Camisas claras agradecem esse cuidado.

3. Escolha lingeries confortáveis

Nada pior que passar o dia “arrumando” um sutiã caindo ou a alça desregulada. Ou então se sentindo massacrada por uma calcinha apertada, que incomoda.

Fazer uma limpa na gaveta de lingerie de vez em quando ajuda a eliminar essas peças problema. Umas comprinhas de vez em quando também ajudam. A qualidade de vida melhora, acredite. Encontrar sempre sutiãs bons, de qualidade, confortáveis e na cor certa é quase um oásis. Vale a pena investir nesses modelos, você não perde tempo, passa um dia bem, confortável e economiza tempo para focar no que realmente interessa.

4. Use as calcinhas certas

calcinha confortável

Afinal, o que é uma calcinha certa? O certo para você pode não ser o certo para mim e vice-versa. Então vou dizer o que o certo para mim, pois acho que muitas pessoas podem se identificar.

Calcinhas básicas, em tecidos leves como o modal ou uma microfibra levinha podem ser as melhores escolhas. Muita renda pode ser um incômodo para o dia a dia. Calcinhas cortadas a laser podem ser uma ótima opção também. Tudo o que for confortável e permite que a pele “respire” um pouco mais é o mais adequado.



Strappy Bra: Aprenda a comprar

strappy bra

Dicas para escolher bem o Strappy Bra!

Será que todos são bons e valem a pena? Analisando o que eu tenho visto, decidi escrever sobre o Strappy Bra: Aprenda a comprar, acerte nas suas escolhas e economize!

Em tempos de crise todo mundo busca economizar de todas as formas. Corta gastos, pechincha, procura os melhores preços. Isso tudo é válido, mas às vezes o barato sai caro.

Um exemplo disso é a compra de lingerie. Se você está em busca de um bom sutiã, ou de um modelador que funcione ou de calcinhas que duram mais, por exemplo, pode fugir dos produtos baratinhos. Não tem jeito, não existe produto de excelente qualidade por um preço muito baixo.

E assim é com o famoso e badalado strappy bra. Eles ganharam o nosso coração e as gavetas de lingerie de todo o Brasil. Não apenas por serem legais, diferentes, mas porque revolucionaram o uso do sutiã e resolveram o problema do decote, que nunca sabíamos com o que usar.

Agora temos a solução, e ela é linda e sofisticada. Mas isso não basta. Tem que funcionar, ser confortável e durar. Acredito que a moda do sutiã de tiras vai durar muito tempo, isso porque é mais que uma modinha, é um jeito novo de usar o sutiã. Então, se você quer strappys que durem na sua gaveta, escolha bem os modelos que irá comprar!

Tenho visto cada coisa por aí que chega a ser assustadora!

Mas, o que observar na hora de comprar?

1. Acabamentos

Observe como são feitas as costuras, se cada material é empregado da maneira certa, se o fecho está costurado de forma torta. Tudo isso vai influenciar na vida útil e no caimento do sutiã.

2. Matéria-prima

Observe bem os fechos, se são de plástico, pequenos. Tenho visto strappy tão vagabundos, que não duram poucas lavadas. Fechos pequenos demais, fitas no lugar de alças (acredite, isso existe), elásticos duros, que machucam.

3. Caimento das peças

O que veio para ser uma solução pode se tornar um verdadeiro instrumento de tortura. As tiras têm que se adaptar às curvas do seu corpo perfeitamente, elas não podem te estrangular, marcar, machucar. Se isso acontecer, você não vai conseguir usar por muito tempo. Conheço pessoas que não conseguem usar nem por uma hora strappy bra comprado da China. Cuidado!

4. Preço

Não aposte em strappys baratos. Se eles são baratos, é porque o material utilizado não é de qualidade. Não estou fazendo apologia inflacionária, mas strappy bra de R$35,00 vai te dar dor de cabeça, acredite nisso!

5. Lojas com altas diferenças de preço

Desconfie de lojas (especialmente na internet) que vendem strappy bra muito mais baratos que outras lojas. Os produtos de todas as marcas têm preços de custo que não permitem descontos tão altos. Se uma loja consegue vender o mesmo produto muito mais barato, algum problema tem. Talvez esteja sonegando imposto, não envia nota fiscal (e se você precisar trocar por defeito, por exemplo, vai ter a maior dor de cabeça…), não troca ou devolve os produtos, enfim, fique atenta, não existe milagre!

Queria sugerir as marcas de strappy que tenho usado e adorado. Não machucam, possuem ótima qualidade, já foram lavados várias vezes:

strappy bra: aprenda a comprar

Esse modelo é da Lacelab, uma marca fera em strappy bra. Eu não tiro esse sutiã! É sem bojo (e olha que eu nem curto muito sutiã sem bojo), com elásticos macios e costura dupla embutida nas laterais. Recomendo de olhos fechados!

Outro modelo fofo é o da Belles:

tendência strappy bra

Aliás, a Belles lançou uma coleção cheia de strappy bras maravilhosos e super originais. Esse modelos tem tiras no bojo e nas costas e um acabamento impecável. As laterais são em tule, com um efeito transparente lindo, e o tecido do bojo tem um brilho maravilhoso!

E esse modelo da 2Rios, que é bem parecido com o strappy da Colcci, que a Gisele usou no último desfile no SPFW:

sutiã de tiras

Também é lindo, veste bem e nada machuca.

Penso que investir em pelo menos um modelo de strappy de ótima qualidade pode ser a garantia de uma vida longa e nenhuma dor de cabeça.

Porque lingerie é assim: você tem que vestir e esquecer que está usando pelo resto do dia!



Inspire-se! Gavetas de Lingerie

O final de semana chegou!

Que delícia! A gente pode descansar, ouvir nossas músicas preferidas, passear, ficar com a família, tudo de bom…

Uma coisa que eu adoro fazer é organizar algumas coisinhas que ficaram para trás durante a semana, ou que há muito tempo precisam de uma mãozinha para se manterem no lugar.

A gaveta de lingerie é uma dessas coisinhas. Dá um pouquinho de trabalho, mas depois que está tudo pronto, fica tão mais fácil encontrar as peças! E tão mais gostoso de olhar para elas!

Então selecionei algumas imagens para inspirar você. Assim, dá mais vontade de correr para as suas gavetas e deixar tudo lindo!

Inspire-se! Gavetas de Lingerie

gaveta de lingerie

lingerie drawer

338c34d643f33ce575111d34968f2271

573ea5b9c95074d6c91bd6e018bc19e5

1412749672_f9qqguqcisa

a4efa35cc92f222a15b1875f935cf006

a31a31cbab096bfda0f700c98f44a716

a58d89b39afb74ab95d35c2177b11d7e

acf-480x320

c6ce5f31f63a5f1e97ec8d735a167041

c60d0f5e3c918ae75e619ce8f369430c

d812db2c366172333dd9e444d23b31a8

download

eecf00356baad5e44400755731745f7f

Walk in closet Inredning

 



Cinta-liga

Cinta-Liga: Saiba como usar e arrasar!

Cinta-liga

A cinta-liga pode ser uma ótima ideia, já pensou nisso? Não tem um homem sequer neste mundo que não se renda à sensualidade de uma peça dessas.

Sabe aqueles dias em que você tem vontade de usar alguma coisa diferente (do comum), mas não sabe exatamente o quê?

Dizem por aí que a cinta-liga surgiu no século 18, na Europa, e era usada por homens (isso eu realmente não consigo imaginar), que tentavam se proteger do frio. Depois passou a ser usada por nobres espanhóis e, somente no final do século, ganhou o olhar (e o corpo) feminino.

A peça, assim como o corpete, corset e corselet, chamou a atenção de dançarinas, que começaram a usá-la por baixo de saias rendadas em shows, popularizando e dando aquele ar sedutor à cinta.

como usar cinta-liga

Para quem ainda não está muito familiarizado com esse acessório fofo da gaveta de lingerie, a cinta-liga é normalmente usada com a meia-calça sete oitavos, que fica presa a ela na barra por colchetes.

cinta-liga como usar

E talvez seja o conjunto da meia, com a liga e esse “um oitavo” de perna à mostra o que a torna tão sexy!

cinta liga

A princípio pode parecer meio complicado vestir, mas a gente pega a prática. E o look fica tão lindo, que vale a pena!

Algumas dicas podem ajudar você a escolher os melhores modelos:

– Os modelos com a frente maior são mais confortáveis. Eles não marcam a roupa e ainda ajudam a dar “aquela segurada” quando se está um pouquinho acima do peso.

– Embora sejam difíceis de serem encontradas, presilhas de metal são a garantia de que vai dar tudo certo, de que não vai soltar na hora errada. As de plástico costumam ser menos resistentes, mas seguram também. O ideal é encontrar uma mais resistente, caso não encontre a de metal.

– As cintas com seis ligas costumam ser mais confortáveis e prendem melhor a meia. No Brasil, também é difícil encontrá-las, mas quem vai passar muitas horas com ela talvez ache a de quatro ligas um pouco desconfortável.

– As meias podem ser de todo tipo: lisas, com base rendada, de poá, arrastão, com uma linha trás (essa é sensacional). Escolha a que você mais gostar.

E não há época melhor do ano para se usar a cinta-liga do que no inverno (especialmente no Brasil, onde as temperaturas são mais amenas). Um vestidinho preto básico por cima e um sobretudo completam o visual – totalmente promissor!

Algumas mulheres costumam sair com a cinta à mostra:

cinta-liga

Mas isso é assunto para um outro post!

Selecionei alguns modelos lindos que podem ajudar você a criar looks bem legais com cinta-liga:

cinta-liga specialità lingerie

De Chelles – Specialità

Esse modelo é bárbaro, super bem trabalhado, com uma sainha bem charmosa. Nas ligas há uma aplicação de strass maravilhosa!

cinta-liga

Sensualle – Specialità

Um modelinho mais básico, porém fofo, com uma regulagem lateral bem linda.

Uma alternativa para quem curte as ligas mas não a “cinta” em si, é o body com ligas. É uma novidade, não vejo com muita frequência, mas confesso que me apaixonei por alguns modelos, que possuem as ligas removíveis. Então você pode usar o body com ou sem elas:

cinta-liga

Belles – Specialità

cinta-liga

Belles – Specialità

E você, curte cinta-liga?



As lingeries da Malu

Uma das nossas leitoras top comentadoras aqui do Tudo de Lingerie abriu as suas gavetas de lingerie (no plural mesmo!) e dividiu com a gente as suas peças favoritas.

gaveta de lingerie, lingerie apaixonante

Na verdade, eram tantas fotos, que eu tive que selecionar algumas delas (pasmem, essas são apenas algumas).

A Malu é uma fã incondicional do blog, está sempre falando o que pensa – e olha que ela não concorda com tudo!

E isso é o mais legal do blog, quando as pessoas se relacionam com a gente, mesmo discordando, dando sugestões, contando suas experiências.

Ela mesma separou as lingeries em grupos e enviou as fotos com muito carinho.

Confesso que as gavetas da Malu são de dar uma invejinha na gente! Porque são organizadas e as lingeries são belíssimas! Como ela mesma disse, não são peças importadas ou muito caras, são aquelas que a gente compra normalmente.

Então, para você se inspirar: 

lingerie básica
lingerie sedutora, lingerie sexy, lingerie sensual

lingerie metalizada, lingerie dourada, lingerie prateada

lingerie delicada, lingerie linda, lingerie bonita

lingerie colorida

lingerie preta

langerie sexy, lagerri sensual

langeri sofisticada, langerri sensual

“É ‘um pouquinho’ do meu mundo encantado chamado LINGERIE, outro amor incondicional em minha vida, além de perfumes e cosméticos… não é um exagero! Adquiri ao longo de minha vida, ao lado de meu esposo, nesses 20 anos juntos, mas cuido com muito carinho, então, as peças têm vida longa, pois tudo é regado com amor, cumplicidade, alegria e satisfação de estar ao lado de quem amamos.
Ju, foi uma honra teu convite! Estar aqui compartilhando contigo e tuas leitoras, é dividir experiências e mostrar um pouquinho meu gosto particular… agora quero ver a próxima leitora, heim??? Amo ver lingerie, por isso estou aqui em seu blog todos os dias. Obrigada pelo imenso carinho, lindinha! Agora você pode me conhecer mais intimamente, rsrs”.

Malu, querida, obrigada por dividir a sua intimidade com o blog! Amamos!

E, como ela mesma desafiou, quem será a próxima?


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...