Calça jeans em forma de cinta-liga

Já pensou em usar uma calça jeans em forma de cinta-liga?

A Top Shop acaba de lançar essa bizarra novidade. É um modelo de jeans larguinho, também conhecido como “mom”, com uma espécie de “liga” na coxa, bem parecido mesmo com uma cinta-liga.

cinta-liga

Na descrição do site a marca diz que “a calça com um suspensório superinteressante pode ser usada com uma camiseta básica preta de manga comprida e com tênis”.

Na Europa o modelo está custando £ 85 (R$345) e promete ser sucesso. Isso porque recentemente a marca lançou uma calça de plástica que se esgotou rapidinho.

cinta-liga

Parece mesmo que as pessoas adoram uma novidade, por mais diferente que seja. E talvez seja esse o segredo, usar algo realmente diferente, subversivo, até mesmo agressivo em alguns casos.

O chefe de design da Topshop, Mo Riach, disse recentemente em uma entrevista: “Queremos perturbar. Queremos fazer algo que leve as pessoas a falar”.

Bom, se você gostou, então vá em frente. Se não curtiu muito, pode ficar só na tradicional cinta-liga, a peça de lingerie usada por baixo da roupa, que é um clássico da moda!

A cinta-liga é aquela peça normalmente de renda ou de algum outro tecido elástico como o tule ou a microfibra, com quatro ligas (normalmente) com pequenas presilhas que se prendem à meia sete-oitavos.

Preta, vermelha e branca são as cores mais procuradas. A pink também tem o seu lugar, claro. A preta, sem dúvida, é campeã de vendas de qualquer loja. Combina com tudo, pode ser usada por baixo de um vestido, saia e até calça.

A cinta-liga é uma lingerie que mexe muito com o imaginário masculino. Lembra daquela personagem cacheada Betty Boop? Pois é, aquela “inocente” mocinha do cinema, dos desenhos animados, é quem fez com que essa lingerie ganhasse tanta força e inspirasse o mundo inteiro.

Sensacional, não?



10 perfis de Instagram de Lingerie para seguir

Confira 10 perfis de Instagram de lingerie para você seguir.

Quem gosta de lingerie normalmente também ama ficar viajando nos perfis de Instagram de lingerie. Costumam ser lindos e altamente sedutores. Selecionei alguns para você seguir e acompanhar:

  1. Specialità Lingerie

Sou mega suspeita pra falar da Specialità… O Instagram é perfeito, são várias marcas lindas, muitas opções para vários bolsos. Então super recomendo.

2. Wagner Marquette

Sou uma fã incondicional do Wagner Marquette. Um estilista incrível, que verdadeiramente “desenha” lingeries como quem conhece profundamente o corpo da mulher. O Instagram dele está lindo, com opções ótimas, de encher os olhos.

3. Beautiful

A Beautiful é uma marca belíssima de lingeries de luxo no Brasil. A última coleção está um arraso, não poderia deixar de comentar. Ela sempre faz uma relação bacana entre as lingeries e os looks do dia a dia, com ótimas dicas de como usar.

4. Belles

Outra marca de lingerie de luxo é a Belles. Sofisticada, romântica, doce e forte ao mesmo tempo. O Instagram traz as lingeries e a moda praia da marca, que sempre é deslumbrante. A cara da mulher chic!

5. Journelle

Saturday nights call for our favorite Bluebella lingerie. Sold out, now back in stock! ⚡️⚡️⚡️ #Nova @txvxngy

Uma publicação compartilhada por Journelle (@shopjournelle) em

Eu tenho um verdadeiro caso de amor com essa loja. É uma multimarcas americanas que já foi fonte de muita inspiração pra mim. No Instagram dela você não vai encontrar fotos românticas e delicadas de lingerie, é uma comunicação diferente, para uma mulher moderna, postagens irreverentes, que saem do “lugar comum” de uma loja. Ah! E se estiver passando por Nova York, visite uma das lojas físicas, vale a pena!

6. Lutécia

Conheci a Lutécia meio por acaso, acho as lingeries fofíssimas e o Instagram mais ainda. Sabe aqueles perfis que dá vontade de olhar inteirinho e fica se apaixonando?

7. De Chelles

Imagens legais, uma mulher forte, descontraída, modelos de lingeries muito bonitos e sofisticados. A pegada da moda sempre presente, dicas e sugestões interessante. Sempre passo lá pra dar uma olhadinha.

8. Fleur of England

A Fleur of England é uma marca de lingerie inglesa, uma das minhas favoritas em todo o mundo. E o Instagram não podia ser melhor. As peças são mostradas de uma forma linda, tanto nas modelos quanto em produções interessantíssimas.

9. Lacelab

Uma das marcas de lingerie mais moderninhas e cool do Brasil. Amo cada modelo e cada foto postada. Contemporânea, instigante, modelos diferentes. Um mosaico sensacional.

10. Adore Me

A Adore Me traz um Instagram democrático, que respeita as diferenças. Você não vai encontrar lá só as modelos loiras e magras. Vai encontrar a mulher real, aquela que você é, aquela que passa por você a todo instante. Amo essa diversidade e oportunidade para todas.



Art Renda – Conheça um pouco sobre essa marca

Conheça um pouco mais sobre a marca Art Renda.

Recebi alguns produtos dessa marca há alguns dias. Eu normalmente recebo muitas lingeries de várias marcas, o que é bem interessante, pois tenho a oportunidade de conhecer todo tipo de marca de lingerie do Brasil e do exterior.

Mas nem sempre as marcas chamam a atenção, confesso. Temos um longo caminho a ser percorrido ainda quando o assunto é qualidade, design, beleza.

Mas algumas marcas são diferenciadas. E isso foi o que eu percebi na Art Renda.

Recebi um body preto de renda e detalhes em cetim, que não me sai da cabeça. É, sem dúvida, um dos bodys mais lindos que eu já experimentei. A qualidade, o acabamento e o caimento são simplesmente perfeitos.

art renda

Cada detalhe dele parece ter sido feito à mão. É uma peça com cara de outwear, que pode ser usado com uma jaquetinha por cima, com jeans, shorts, uma saia, enfim, são muitas possibilidades. Inclusive, para atrair o olhar de alguém especial.

art renda

Esse modelo, especificamente é todo forrado, as costas são levemente fio dental, em tecido duplo, com abertura em colchetes na parte inferior. Body sem abertura é o “ó”, convenhamos. Preguiça total de vestir. Nesse caso, os colchetes são discretos, delicados e não machucam.

art renda

Poderia ficar aqui falando desse body até amanhã. Foi paixão à primeira vista mesmo!

A marca possui uma linha enorme, muita variedade, incluindo uma linha de camisolas para maternidade, que são belíssimas, além de lingeries para noivas, com peças lindas e delicadas.

art renda

Uma peça que eu adorei foi esse babydoll branco, super delicado. O tecido é fininho, a renda bem macia, e os detalhes são lindos. Sabe aquela roupa que você coloca e não quer mais tirar, de tão confortável?

art renda

art renda

A Art Renda possui um site próprio, com calcinhas, sutiãs, linha noite, plus size e uma linha lougewear, além das que eu já citei. São peças realmente diferenciadas.

E se você mora em Goiás, pode visitar uma das várias lojas físicas.

Art Renda, uma marca que eu adorei conhecer e recomendo.

Obs: Esse post é uma parceria com a marca, embora todas as opiniões sejam absolutamente verdadeiras.



Lingerie de Inverno – Conexão

Coleção Inverno 2017 de moda íntima traz conexões como tema.

Mulheres conectadas? Impossível defini-las num só perfil, de tantas que são. De dia, dinâmicas e trabalhadoras, corajosas e discretas. De noite, românticas e sedutoras, ou frágeis e delicadas, porque não? Antes de se conectar com o mundo exterior, é preciso estar plenamente conectada consigo mesma. Inspirada nas mulheres conectadas a marca Elegance lança sua coleção inverno de 2017. “Acreditamos que nada melhor do que uma lingerie para aproximar e traduzir estes dois mundos, e nada melhor do que uma variedade de modelos e estilos para expressar a personalidade feminina em cada momento”, destaca a diretora-presidente da marca Eliane Magnan.

Em três linhas que atendem as mulheres em seus mais diversos momentos, a Coleção Conexões apresenta sofisticação e tecnologia em sua matéria prima. Veludo molhado, tule, renda importada macia e confortável com acabamento antialérgico; microfibra com alta resistência; bojo soft com espuma mais macia e muito flexível, que não amassa nem deforma são alguns dos atributos dessa coleção.  Além disso, ainda traz sutiãs com barbatanas laterais para maior sustentação e reforço; costas duplas para conforto absoluto e modelagem ampliada (sutiãs que vestem até o tamanho 50).

Coleção Inverno 2017

Alicia- A Lady: uma coleção que alia a beleza ao conforto. Especialmente para mulheres que amam os detalhes e priorizam o bem-estar. Nas cores preto e branco, a linha traz sutiã sob medida, em tecido microfibra, renda macia e alças acetinadas que que oferecem suavidade e conforto. Com modelagem que veste até o manequim 50.

lingerie de inverno

 

Stella – A Luxúria: a sensualidade é a qualidade predominante na coleção, para aquela mulher que desperta os olhares e que valoriza a sofisticação. Em veludo molhado, com transparência em tule, alças forradas, essa linha apresenta uma modelagem elegante e arrojada nas cores preto e burgundy (bordô).

lingerie de inverno

Satine – A Sedutora: mulheres românticas, mas ousadas, que gostam do equilíbrio entre o doce e o apimentado, e abusam do brilho. Nas cores preto e vinho, as peças trazem transparência sexy, alças com brilho, traços geométricos, renda leve e macia, alças com recortes ousados na modelagem.



Se Maio é o mês das Noivas, abril é o mês do chá de lingerie

Abril tem sido o mês do Chá de Lingerie. Confira!

Ultimamente, muitas noivinhas estão optando por reunir as amigas e realizar o chá de lingerie. Assim como nos chás mais tradicionais, os de lingerie são super animados e as convidadas levam o presente “disfarçado” para que a noiva adivinhe a cor ou o modelo no meio de brincadeiras organizadas por amigas e madrinhas.

Porém, muitas pessoas ficam em dúvida quando recebem o convite desse tipo de evento.  Muitas consideram peças muito íntimas e, algumas, não têm ideia do que presentear.

Algumas dicas são importantes para serem seguidas pelas convidadas. Por exemplo, se a noiva não especificar no convite o tamanho sempre se certifique com ela antes de comprar o presente. Caso não tenha muita intimidade com a noiva opte por cores mais clássicas como: branco, preto, vermelho, azul marinho ou cor de rosa.

Além disso, investir em modelos com rendas e jóias é o mais aconselhado, afinal, a noiva está a procura de peças para surpreender o marido e não para o dia a dia.

A Arsiè Lingerie lança em sua coleção 2017 peças que trazem requinte e sofisticação sem abrir mão do conforto.

Os modelos brancos são os favoritos da maioria das noivinhas para a noite de núpcias. Investir nas aplicações com detalhes em prata ou dourado faze toda a diferença.

Outra cor super procurada é a cor de rosa, pois remete ao amor e à doçura. Porém, o destaque nesse tom fica para as rendas que garantem que a peça fique meiga, mas com um lado sexy.

Já para as noivinhas que gostam de ousar um pouco mais, a lingerie vermelha é o tiro certo. Além disso, esse tom combinado com rendas, bordados ou pingentes fica ainda mais sensual.



Cirurgia refrativa a laser PRK – Parte 2

Um pouquinho mais de como foi a minha Cirirgia PRK.

Bom, passado o nervosismo do último post, aqui estou eu novamente para falar um pouquinho ded como foi a minha experiência com a cirurgia corretiva da miopia, afinal, nem tudo na vida é lingerie, não é mesmo?

Quem leu meu primeiro post, viu que eu saí meio nervosa do consultório e me dirigi à clínica em Belo Horizonte (vou evitar citar nomes, tá?) para realizar a cirurgia.

Ao chegar, passei primeiramente pelo Financeiro, é óbvio, afinal, menos de 5 graus a Unimed não cobre (não existe essa obrigatoriedade de acordo com a ANS, na verdade). Então lá eu deixei R$2.750, a vistinha.

Após a parte importantíssima, eu lavei o rosto, me deram um Lexotan para tomar, o que fiz meio contrariada, mas é um procedimento normal.

A minha surpresa foi que, ao conversar com o médico, ele disse que meus exames eram ótimos e que minha córnea permitia fazer a cirurgia PRK ou Lasik, a outra técnica, cuja recuperação é bem rápida. E deixou para eu decidir.

Confesso que foi o momento mais difícil, pois eu já tinha ouvido de outro médico que a PRK é mais segura, que não há “corte” algum, embora e a cicatrização seja muito chata e dolorida.

Apesar do efeito do Lexotan já ter dado as caras, me lembro de ter perguntado a ele fixando em seus olhos: “Se eu fosse a sua filha, qual das duas técnicas o Sr usaria”?

Ele sorriu e me disse: “Eu diria o mesmo a ela”. Ou seja, não ajudou em nada, mas uma pequena e discreta frase dele me fez tomar a decisão. Entre uma coisa e outra que era falada ele disse que “mercadologicamente” era muito mais interessante para ele que eu fizesse a lasik, afinal, eu sairia dali 100%, enxergando muito bem, feliz da vida. Mas que, no futuro, caso eu tivesse algum problema de batida nos olhos, o fato já ter feito essa cirurgia agravaria o caso, como ele me citou alguns exemplos.

Isso foi decisivo. Decidi encarar a PRK.

Não foi tão tranquilo quanto vi todo mundo falando, acho que tenho mais aversão a pessoas encostando nos meus olhos do que eu imaginava. Então eu recebi a anestesia, senti a leve pressão da raspagem e as luzes incomodaram bastante. Mas tudo rápido. 4 minutos em cada olho.

Saí de lá com uma lente de contato curativa e, ao passar o efeito da anestesia, eu vi o que era dor e ardência.

E assim foi até que eu conseguisse dormir. Nos dois dias seguintes eu me lembro de pouca coisa, apenas remédios e colírios. Somente no 3º dia recebi a visita de amigos muito queridos e lembro vagamente da presença deles, sob efeito de remédio. No 4º di a tentei usar um pouco o computador e hoje é o 5º dia.

A lente será retirada no 7º dia e eu volto para contar um pouco mais sobre essa experiência.

Já enxergo praticamente perfeitamente.

Um presente. Um dos maiores de toda a vida…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...